(48) 3721-6361 / (48) 99945-5002
Instagram
Congelamento: É uma boa opção para estender a validade?
17/04/2020 - Novidades

 

 

           Muitas vezes quando queremos que um alimento dure mais tempo simplesmente o mantemos refrigerados ou congelados, mas essa é mesmo a melhor opção para todos os alimentos?

 Muitas pessoas têm costume de ir no mercado e fazer a compra do mês, compram diversos produtos em grandes quantidades. Vários desses possuem um tempo de validade curto, e devem ser consumidos em pouco tempo, antes que estraguem. 

O que muitos fazem é congelar esses produtos para estender o tempo de validade. Congelam bebidas, frutas, alimentos cozidos, doces e salgados. O congelamento é uma opção viável de aumentar o prazo de validade, mas não para todos os alimentos. Confira no artigo abaixo essa e outras opções para estender a validade do produto.

Os alimentos estragam devido a reações químicas enzimáticas e proliferação de microorganismos que ocorrem. Essas reações e proliferações são favorecidas em maiores temperaturas. Quando a temperatura diminui, as reações de decomposição ocorrem de maneira mais lenta e as condições para reprodução e crescimento dos microorganismos se torna hostil, por isso, aumenta o tempo de validade dos produtos, variando de meses e até anos dependendo do produto.

Para muitos tipos de alimentos não são indicados o congelamento, pois podem fazer com que percam propriedades organolépticas como odor, cor e sabor. Em hortaliças, por exemplo, há a degradação da clorofila em feofitina de coloração marrom. 

Algumas frutas como banana e tomate não podem ser armazenadas em temperatura inferior a 13ºC, pois podem prejudicar o processo de maturação através da influência de certas enzimas. Além disso, podem provocar também perdas de algumas vitaminas hidrossolúveis.

Existem outras maneiras de se estender a validade do produto sem ser por meio do congelamento, e a refrigeração é uma delas. A refrigeração difere do congelamento devido ao grau de abaixamento de temperatura. Ele mantém as características organolépticas, mas preserva por um tempo menor comparado ao congelamento, no máximo por um mês dependendo do produto.

Outra maneira que pode ajudar a aumentar a durabilidade do alimento é a utilização das embalagens ideais para o produto. Desde embalagens a vácuo que diminuem a proliferação de microorganismos devido a falta de oxigênio ou a utilização de embalagem em atmosfera modificada (EAM), onde é utilizado uma mistura de gases e é muito utilizado para carnes. 

Existem outros diversos processos como a desidratação que diminui a proliferação de microorganismos devido a retirada de água, a aplicação de aditivos naturais ou artificiais, entre outros.

O congelamento é sem dúvida uma opção viável para aumentar o tempo de validade mas nem sempre é o melhor método a ser aplicado. A melhor maneira de escolher depende do tipo do produto e do tempo de duração desejado. Cada um possui uma melhor maneira de conservação. 

Quer aumentar a vida útil do seu produto? Nós somos uma Empresa Júnior que atua em consultoria nas áreas de Engenharia Química e Engenharia de Alimentos e estamos aqui para te ajudar. Entre em contato conosco que encontraremos a melhor forma de fazê-lo para o seu tipo de produto.

Artigo Desenvolvido por

Juliano Cesar Toledo Viviani

Assessor de Execução

Se tiver alguma dúvida ou comentário sobre o artigo, nos escreva abaixo na caixa de comentários