5 DICAS PARA O LANÇAMENTO DO SEU PRODUTO NO MERCADO

Quer ter segurança para investir em um produto no mercado? Confira as nossas dicas!

Teve uma brilhante ideia de um novo produto que fará de você o mais novo empresário do mercado brasileiro ou, quem sabe, internacional? Então, para as vendas começarem com o pé direito temos algumas dicas para você. Confira:

1. Entenda a demanda e exigências do seu público-alvo

O seu produto visa atender e sanar as necessidades de alguém, portanto, estabeleça o seu público-alvo a fim de mirar as suas estratégias de marketing nos possíveis compradores. Algumas perguntas que podem lhe ajudar a definir o seu comprador ideal são:

● Qual o gênero mais frequente entre seus clientes?

● Qual a faixa etária?

● Quais são os hobbies, interesses, estilo de vida?

● Nível escolar?

● Estado civil? Possui crianças?

● Redes sociais mais acessadas?

● Qual a localização desse público?

2. Garanta que a comercialização de seu produto está de acordo com a legislação vigente

Para comercialização do seu produto, deve-se consultar a legislação vigente que abrange o objeto, a fim de compreender as normas e as metodologias de processamento que devem ser adotadas para enquadrar o produto na categoria correta. 

Dessa forma, é possível verificar se há a necessidade de registro do seu produto e garantir a segurança do consumidor. 

Com intuito de facilitar esse processo de inserção do produto no mercado consumidor, a Conaq presta esse serviço de consultoria e orientação para adequação legislativa da sua mercadoria.

3. Pesquise sobre as empresas concorrentes e suas estratégias de marketing

Ao inserir um novo produto no mercado, esteja preparado para enfrentar a concorrência de outras empresas. Isso porque garantir a aceitação dos consumidores depende de como você vai superar essa competição

Primeiramente, pesquise quais meios midiáticos essas empresas usam para propagar seus produtos, quais são as identidades visuais mais utilizadas, leia também as reclamações que tais empresas recebem e considere isso como pontos que a sua não falhará. 

Com os resultados dessa pesquisa de mercado, você terá também uma noção dos preços que seu produto é comercializado e portanto, terá uma melhor base para uma precificação que vise favorecer a sua mercadoria. Na pesquisa, use palavras chaves que descrevem seu produto para achar mais informações sobre ele e sobre outras empresas do ramo.

Algumas dicas para sua pesquisa:

● Entre no site das empresas concorrentes e preencha os formulários que geralmente pedem com o seu email (aconselhável que utilize sua conta pessoal). Assim, você poderá ter uma noção de como é o fluxo de marketing pelo email e seu conteúdo.

● Siga as mídias sociais das empresas para analisar melhor como é a interação do público com o produto, quais os posts com maior engajamento dos consumidores. Veja também, se eles utilizam Facebook Shops, Instagram Shopping e o Pinterest.

4. Defina suas táticas de marketing 

Após a pesquisa do seu público alvo e da concorrência, defina as estratégias de marketing para o seu produto.

Primeiro Passo: Crie um website

O contingente de pessoas que utilizam determinada rede social varia com o tempo à medida que outras vão surgindo, por isso recomenda-se a criação de um website, pois tem uma maior estabilidade. 

Aliado a isso, em um website, há uma maior flexibilidade para montar a identidade visual da empresa, oportunidades para compra e contato com o cliente. 

A ferramenta também possibilita postar conteúdos mais extensos que gerem conhecimento ou que esclareçam dúvidas dos clientes, assim, se aproximando do consumidor e ganhando sua confiança.

É importante ressaltar também que o website ajuda a mensurar os resultados do marketing. Por exemplo, de onde os clientes vêm, como eles chegam ao site, qual o caminho percorrido por eles no site, por quanto tempo navegam nele e entre outros. 

Segundo passo : Crie uma lista de emails de possíveis compradores

Após a criação de um site, crie ferramentas como coupons, oferta de ebooks, revistas, novidades para obter o email dos internautas que acessaram o site. Em seguida, com essa lista pronta, determine uma boa frequência para mandar e-mails com conteúdos que atraem e fidelizam o cliente a sua marca.

Terceiro passo: Redes Sociais

As redes sociais serão as vitrines virtuais de sua empresa, por isso cuide para manter a mesma identidade visual em todas elas. Após a criação, obtenha seguidores através de Public Figures, anúncios na própria rede social e sorteios.

Quarto passo: Revendedores. 

Sites como Amazon, Etsy, Walmart, eBay possuem um grande fluxo de acessos, logo disponibilizar a venda do seu produto nesses sites é uma boa estratégia para atingir novos compradores

Por outro lado, além de pagar taxas que diminuem o seu lucro, o comprador nunca será de fato o seu cliente, já que a interação de compra ocorreu por meio de terceiros.

5. Conte a história do seu produto

Não basta ter vários meios para abordar um possível cliente, tem que saber como cativá-lo para que ele não só compre o seu produto, mas a ideia vinculada a ele.

É interessante para o consumidor que você conte a sua história, qual o objetivo de ter desenvolvido tal mercadoria, de como a sua empresa surgiu, o que o produto diz sobre a pessoa que o compra e até qual o seu papel social. Assim, o comprador adere a ideia da marca e torna-se fiel a ela, não só pelos atributos físicos, mas também pelos sociais.

Com essas 5 dicas, a CONAQ se propõe a ajudá-lo nesse processo de inserção do seu produto no mercado consumidor. Em caso de dúvida ou de ajuda, não hesite em entrar em contato conosco.

Equipe Conaq
Equipe Conaq

Gostou deste artigo? compartilhe nas redes!

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Compartilhe no Twitter
Share on linkedin
Compartilhe no Linkdin
Share on pinterest
Compartilhe no Pinterest

DEIXE UM COMENTÁRIO